sexta-feira, 13 de maio de 2011

Técnica do mosaico em casca d'ovo- PARTE II

PREPARAÇÃO DO SUPORTE

Depois de ter limpo as cascas tem de preparar o suporte que vai decorar. Pode utilizar quase qualquer suporte madeira, vidro, espelhos, cartão ou até outros ovos, a sua imaginação é o limite.

Comece por limpar muito bem a superfície do suporte que vai trabalhar, utilize álcool para isentar o material de qualquer vestígio de gordura. Se escolher trabalhar uma peça em madeira é aconselhável lixa-la muito bem antes de proceder à colocação do mosaico.

Escolha a cor base que vai utilizar na sua peça. Nesta fase tem de pensar se vai pintar o mosaico, depois de colado, se vai colocar as cascas já pintadas, ou se irá utilizar as cascas na sua cor natural. Qualquer uma das opções dá excelentes resultados.
Se vai:
- pintar o mosaico depois de colado, então escolha o branco (ou uma cor clara) como base, quando pintar ela fica escondida
- realizar o mosaico com as cascas já pintadas, neste caso a cor que escolher para o seu fundo será parte  integrante da peça final. Neste caso pode até pintar a peça de várias cores, consoante o deign que pensou para o objecto.
- utilizar as cascas na sua cor natural, as recomendações são as mesmas, tudo quilo que pintar como fundo ficará à vista. Neste caso recomendo ainda que separe as cascas consoante as suas tonalidades.

Depois de preparado o objecto e definida a técnica de apliação das cascas no mosaico, desenhe o motivo pretendido na superfície que vai trabalhar. Dependendo do tipo de superfície pode ser mais eficiente elaborar o desenho em papel vegetal  e só depois transferi-lo para a peça. Tenha cuidado nesta fase, se carregar muito nas linhas do desenho elas serão visíveis mesmo depois da colocação das cascas dos ovos.

Sem comentários:

Enviar um comentário